Como não ter surpresas na hora de se aposentar

A tão sonhada hora da aposentadoria chegou, é hora de reunir os documentos que comprovam o tempo de contribuição e ir até a Previdência Social encaminhar a papelada.

Porém, muitas pessoas acabam tendo problemas na hora de dar entrada na aposentadoria, pois faltam documentos que comprovem o tempo de serviço. Veja a seguir algumas dicas para evitar ter dor de cabeça quando chegar a hora de requerer seu benefício:

1 – Guarde seus documentos

A informatização da previdência é relativamente recente. Devido a isso, é comum não constarem nos sistemas vínculos e carnês de períodos anteriores a 1985. Por isso, é importante guardar as carteiras de trabalho e as guias da Previdência, pois eles podem ser o único comprovante do vínculo e a ausência deles podem resultar em perda desse período.

2 – Tire o CNIS periodicamente

O CNIS – Cadastro Nacional de Informações Sociais é um extrato previdenciário que oferece a relação dos vínculos e salários de contribuição de todo o seu período laboral. Através dele é possível verificar se as empresas para qual você trabalhou efetuaram os recolhimentos previdenciários corretamente, ou se os carnes que você pagou foram preenchidos nos códigos e valores corretos. Desta maneira, caso haja algum problema, você tem a possibilidade de buscar a documentação necessária antes de requerer a aposentadoria de fato.

3 – Planeje sua aposentadoria

A contribuição previdenciária é obrigatória para todos os trabalhadores que exercem uma atividade remunerada. Isto significa que todo empregado tem descontado o INSS pago pelo empregador; e todo autônomo ou empresário tem a obrigação de contribuir com o INSS.

Esta obrigação pode parecer um problema, mas da mesma maneira que um casamento começa no dia que você pede a pessoa em noivado, sua Aposentadoria começa desde a sua primeira contribuição. Esse planejamento lhe dará uma visão de futuro, dando tranquilidade para conquistar seu objetivo- a aposentadoria.

4 – Consulte um especialista

Consultar quem entende é um excelente negócio, pois vai te poupar tempo e dinheiro. Qualquer contribuinte pode ter uma economia considerável com a ajuda de um consultor previdenciário. Por exemplo, requerer a Aposentadoria apenas 1 mês após o tempo certo e você deixara de receber R$ 998,00 caso seu salário-de-beneficio fosse o mínimo, até um máximo de R$5189.82, caso o beneficio fosse o teto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *